Quarta-feira, 11 de Fevereiro de 2009
por Pedro Vieira
Igreja pode apelar ao voto contra partidos que apoiam casamento entre homossexuais 

por Pedro Vieira
link do post | comentar | partilhar

76 comentários:
Certissimo, casar deve ser para quem quer,
que a Igreja falar só pode, se for em relação a casamentos católicos .Se ela a igreja se recusa a sacramentar casamentos entre homossexuais, é lá com ela ; não sei o que fará quando houver muita perda de clientela se se der o caso de muitos homossexuais se decidirem a entrar no baptismo, mas isso também pouco importa.

deixado a 11/2/09 às 11:27
link | responder a comentário

Nel
Sou 100% contra a posição da Igreja e 100% a favor da institucinalização do casamentos para homossexuais. Acho, porém, que a frase que encabeça o post é gratuita e que só degrada o debate.

deixado a 11/2/09 às 19:12
link | responder a comentário

CausasPerdidas
Esqueci-me em cima: A Igreja tem todo o direito de não casar os casais homossexuais se isso vai contra a sua doutrina. Esse sim é um problema que só aos homossexuais católicos diz respeito.
A César o que é de César, se (todas as religiões) respeitassem isso o mundo era capaz de ser um sítio melhor.

deixado a 11/2/09 às 18:51
link | responder a comentário

Duas pessoas do mesmo sexo casarem é... inestético? Esta ainda não tinha ouvido! Significa, portanto, que duas pessoas a oficializarem legalmente a sua relação para com o Estado é... inestético, fica mal, não combina - talvez seja por causa da cor dos vestidos ou dos fatos, não? Ou se calhar, uma das duas noivas devia ter ido mais bem penteada...

Um casal homossexual adoptar uma criança é criminoso?
E uma criança que cresce numa instituição eternamente à espera que venha uma família que a queira integrar? Não é obsceno?
E uma família tradicional, cuja mãe é ausente ou cujo pai é alcóolico e violento, para com a mãe ou para com os filhos? Não é obsceno?
E os papás de merda das associações de pais das instituições de educação cujo intuito é apenas a escalada socio-política e que não estão a fazer rigorosamente nada lá, para além de não ajudar os profissionais a desempenhar as suas funções? Não é crimonoso?
E a constante delegação que os pais de hoje fazem das suas responsabilidades, descartando-as para a instituição Escola (que não é igual à do "seu tempo"), que não sabe lidar com elas, e cuja estrutura está podre? Não é criminoso?

E as crianças que vivem em famílias monoparentais (seja por separação ou por morte)? Também acha que é criminoso por não encaixar no modelo tradicional da família?

Não me venha com a história dos traumas para a posteridade por o modelo de família não ser o tradicional. O que causa traumas, não é o modelo em questão, é se esse modelo se torna disfuncional. E o que não deve faltar na rua onde mora (ou até na sua família, pois é frequente) são famílias tradicionais-disfuncionais!...

deixado a 11/2/09 às 19:08
link | responder a comentário

Finalmente a Igreja acorda e parece perceber que a Liberdade de Opinião é PARA TODOS.


Em nome do Direito à Diferença, saúde-se e aplauda-se.

deixado a 11/2/09 às 11:17
link | responder a comentário

toino
Nunca entendi bem esta temática, mas os homosexuais não eram contra o casamento, e agora querem casar, vamos nós entender o mundo, eu axo que a igreja nao tem nada a ver com este assunto, mas, tb axo que cada um faz o que bem entender não precisam de casar, para quê.

deixado a 11/2/09 às 10:57
link | responder a comentário

Antonio Cunha
Vamos lá a ver a fibra do PS. Agora que tem todos os padrecos de norte a sul a dizer às velhotas e velhotes para não votar no PS vamos lá a ver a fibra dos meninos.

Por um lado temos a Cancio e a JS e do outro os milhoes de velhinhos que sempre votaram no PS.

Escolha dificil, sócas.

deixado a 11/2/09 às 11:40
link | responder a comentário

Toino, casamento civil, leis, sociedade civil, contrato estabelecido entre duas pessoas com validade jurídica. Casamento da igreja, sacramento, validade nenhuma na sociedade civil, reconhece-o quem quiser, se tiver fé ou se gostar de belos vestidos brancos e hóstias e cerimónias muito massadoras. É simples. Não coloca qualquer dúvida.

deixado a 11/2/09 às 11:48
link | responder a comentário

CausasPerdidas
Que queiram casar ou não estou-me borrifando. Mas, se assuntos como heranças, assistência à família e outros, que são consagrados aos casais "normais", lhes forem negados, a história passa a ser diferente: Trata-se de direitos que são substraídos a uma parte da sociedade e por isso o assunto devia dizer respeito a todos.
Quanto à Igreja, devia apelar ao não-voto nos partidos que fabricam a pobreza. Mas é mais fácil um camelo passar por um buraco de uma agulha do que a Igreja estar do lado da luta dos fracos. E ai daqueles que na Igreja apoiam as lutas dos "carpinteiros" pois são condenados ao silêncio - estou-me a lembrar do Brasil e de Leonard Boff.
Esta gente da ICAR sabe que não vai responder perante Deus. Ateus para quê?

deixado a 11/2/09 às 11:48
link | responder a comentário

João Moreira
O senhor, com o título que dá a este post, demostra ser nada menos que um perfeito boçal. E eu nem sou católico: mas a mesquinhez e rasteirice daquilo que aqui escreveu são tão indignantes (e, em rigor, tão sintomáticas) que não posso deixar de me manifestar. O senhor é desprezível, e, para seu governo, ainda mais intolerante do que qualquer padre católico: não tenho ideia de ter ouvido, por parte da Igreja, que os defensores do casamento gay só sustentam essa alteração porque «querem ver oficializado o seu gosto pela sodomia passiva». O senhor, pelo contrário, é de tal modo incapaz de expressar com educação uma discordância, ou sequer de tolerar que alguém olhe para fora do redil ideológico onde o meteram, que nem se dá ao trabalho de urdir argumentos com que contrariar quem de si discorda: parte imediata e cobardemente para o ataque ad hominem e para a baixeza de modos e de pensamentos. É, nunca é demais repeti-lo, uma coisa desprezível e uma pessoa indigna. Não sei se vai publicar este comentário, mas espero que ao menos o leia.

deixado a 11/2/09 às 12:21
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador