Segunda-feira, 6 de Abril de 2009
por Pedro Vieira
o nosso Primeiro-Ministro passou uma imagem de credibilidade no início do mandato, mas não está com a estratégia certa nem com as pessoas certas a ajudá-lo

 

Cláudia Vieira à revista Plenitude, Abril 2009

por Pedro Vieira
link do post | comentar | partilhar

17 comentários:
Alfredo
É também uma opinião. No entanto, parece-me bem mais sensata e inteligente do que a de JMT. Comparar é chamar-nos estúpidos.

deixado a 6/4/09 às 14:35
link | responder a comentário

Vítor
Alfredo,

concordo consigo. Eventualmente até com a Cláudia Vieira.

deixado a 6/4/09 às 14:43
link | responder a comentário

Passar uma imagem credível no início do mandato não era difícil: o contraponto com Santan Lopes torna o pato Donald um candidato apelativo e coerente. Difícil é passá-la quando as dificuldades internas e acusações de pressão surgem. E perde-se completamente essa imagem de credibilidade quando se adopta um modelo europeu neoliberal de confiar no receituário de Bruxelas para combater a crise. Pelo menos para quem se dizia inicialmente socialista. O apoio a Barroso, chamado de ponta de lança do neoliberalismo, era algo que convinha esclarecer. Porque Barroso é que defende que a economia se estbiliza automaticamente acabando a crise por desaparecer (http://tinyurl.com/csngjf).
Abraço,
CS

deixado a 6/4/09 às 15:29
link | responder a comentário

Até a Claudia Vieira já percebeu isso. (sublinhe-se o "até")

deixado a 6/4/09 às 17:55
link | responder a comentário

Ali Al Moço
http://economia.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1372851

deixado a 6/4/09 às 18:02
link | responder a comentário

I Parte

Em conta deve ter
para revelar superioridade,
o exercício do poder
exige outra moralidade.

Seja por solidão,
seja por irracionalidade,
o direito à devassidão
premeia a imbecilidade!

O mexilhão atento
desta lamentável ocorrência,
demonstra o seu desalento
perante a "socrática" pesporrência!

II Parte

Sinal da irreversível decadência
e de lodaçais fedorentos,
a nossa moral imprudência
ganha contornos bolorentos!

Os ecos pretendem silenciar
para não despertar a podridão,
trata-se de um forma de denunciar
toda a fétida devassidão!

O mexilhão atascado
pelos infortúnios da vida,
fica embasbacado
nesta terra mal movida!

Epílogo

De pena e língua venenosa
na hora de enxovalhar,
chega de política enganosa
sempre disposta a malhar!

Com tamanha ingratidão
o mexilhão é infrutuoso,
toda esta podridão
revela um sistema desvirtuoso!

deixado a 6/4/09 às 18:58
link | responder a comentário

Até a Claudia Vieira já percebeu isso. (sublinhe-se o “até”)

Eu prefiro sublinhar o sectarismo do Gonçalo Gomes. O post também não ajuda, é verdade.

deixado a 6/4/09 às 19:21
link | responder a comentário

Fernando
Honestamente cada vez menos vejo necessidade de sequer existir um PR. A culpa não é de Cavaco (de quem não gosto), é mesmo de ser uma inutilidade de cargo. Cavaco Silva foi nalgums pontos pior que outros no sentido em que projectou toda uma aura tecnocrata (e não indígo, infelizmente) de "get things done" para depois voltar a balbuciar sobre os problemas óbvios e triviais, esquencendo-se de intervir nos poucos casos onde poderia fazê-lo (ver suspensão do deputado na Madeira).

Para dizer ao Governo que é preciso ter atenção aos pobres, que convém haver emprego, que os velinhos também são gente não é reciso uma Casa Civíl daquele tamanho. Qualquer blog seria suficiente.

Creio de resto que é isto que a Claúdia Vieira queria dizer :)

deixado a 6/4/09 às 22:23
link | responder a comentário

Só agora reparei neeste post.
Nunca vi a revista Plenitude e não sei quem é a Claúdia Vieira.
Quem me tira desta ignorância?

deixado a 6/4/09 às 23:36
link | responder a comentário

Fado,
devia ligar mais à lingerie.

deixado a 7/4/09 às 08:50
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador