Terça-feira, 5 de Maio de 2009
por Pedro Vieira



© rabiscos vieira



vasco granja, 1925-2009


Em stereo


por Pedro Vieira
link do post | comentar | partilhar

24 comentários:
Madalena Madeira
Petição online
Destinatário: População do Concelho de Coimbra

Concorda que os municípios e especialmente o de Coimbra devolvam uma percentagem do IRS aos seus moradores atendendo que e preciso apoiar as famílias neste momento de crise?

http://www.pinaprata.pt/

deixado a 5/5/09 às 20:28
link | responder a comentário

larissa
Também eu.
E já com tantos bocados tirados à má fila ... ser adulta cansa. Eu que acreditava que ser feliz era eterno.

deixado a 5/5/09 às 20:28
link | responder a comentário

Antonio Cunha
Cresci a ver os desenhos animados apresentados pelo Vasco Granja, na altura que não havia Panda, Disney nem qualquer tipo de canal exclusivamente destinado aos desenhos animados.

Ainda ontem, dia da sua morte, ouvi este homem numa entrevista ao Carlos Vaz Marques da TSF, e fiquei com a aquela certeza que já tinha. Este homem ajudou uma geração a crescer, e também fiquei impressionado com a sua maneira de pensar, mesmo sendo comunista.

Obrigado camarada Vasco.

deixado a 5/5/09 às 20:29
link | responder a comentário

Rui Paulino
Sempre simpatizei imenso com ele, mesmo quando me "obrigava" a papar com aqueles desenhos animados da Bulgária e da Checoslováquia... Até a sua voz tinha uma sonoridade e uma melodia muito próprias, era de facto um homem especial. Descanse em paz!!!

deixado a 5/5/09 às 20:47
link | responder a comentário

Maria
Ai, ai, o tempo leva bocados da infância, mas não mata a memória.

deixado a 5/5/09 às 21:47
link | responder a comentário

Jose Semblante
Obrigado Vasquinho!!!
Ele permitiu que os nossos filhos tivessem uma "vida televisiva" menos violenta. A animação que ele passava tinha como traço comum a amizade e o companheirismo.

deixado a 5/5/09 às 21:52
link | responder a comentário

E o caso Namora, nada!

deixado a 5/5/09 às 21:53
link | responder a comentário

joaquim azevedo
Vasco Granja.
Saudade - por uma vez essa palavra tão portuguesa.

deixado a 5/5/09 às 22:28
link | responder a comentário

Fiquei naquela do - não pode ser .
Depois fiquei naquela do - lá me morreu o Vasco.
Depois chorei.
Agora ficam as memórias.

deixado a 5/5/09 às 22:37
link | responder a comentário

LAM
Uns mais indefectíveis outros menos dos seus programas, mas o vasco Granja marcou pelo menos 2 gerações de homens actuais. E foi aí que muitos de nós começaram a aprender que havia o que agora chamamos mainstream, e o resto. E o resto era imenso e o Vasco mostrava.

deixado a 5/5/09 às 23:01
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador