Sábado, 27 de Setembro de 2008
por Pedro Sales


Num dos momentos mais desconcertantes d”As faces de Harry”, um dos personagens, interpretado por Robin Williams, sofre de uma estranha doença que o vai tornando progressivamente desfocado. Ao seu lado, colegas, amigos e familiares vão dizendo que ele se encontra “out of focus”. Sem saber o que fazer para resolver a sua situação, obriga toda a família a usar óculos para que o possam ver correctamente. Perante a radical solução, uma mulher acaba por reclamar: ''You expect the world to adjust to the distortion you've become!''



Manuela Ferreira Leite está cada vez mais parecida com o personagem de Woody Allen. Depois de garantir que as suas aparições seriam poucas, para maximizar o impacto de uma mensagem centrada “apenas nas questões que verdadeiramente preocupam os Portugueses", as energias do PSD têm sido gastas com o voto dos emigrantes e o Estatuto dos Açores, dois assuntos que suspeito importarem tanto aos portugueses como a secreta vida sexual das sardinhas em lata de conserva.

Há dois dias, na terceira declaração de Manuela Ferreira Leite nos últimos dois meses, as suas palavras foram destinadas à opulência do comício do PS e ao relevante facto de José Sócrates fingir que não lia o discurso quando o fazia através de um power-point (sic!). Código de trabalho, desemprego, OE, preços da gasolina ou o impacto da crise financeira e do BCE nos juros que vão comendo o orçamento das famílias portuguesas, isso, claro, são assuntos que ainda não mereceram uma palavra do PSD. Como, ao contrário dos filmes de Woddy Allen, as pessoas teimam em não querer mudar para fazer a vontade aos outros, a resposta parece vir na volta do correio, e concentrar cada vez mais à esquerda a oposição ao governo.
tags:

por Pedro Sales
link do post | comentar | partilhar

21 comentários:
Ibn Erriq
Pedro Sales,

"as energias do PSD têm sido gastas com o voto dos emigrantes e o Estatuto dos Açores, dois assuntos que suspeito importarem tanto aos portugueses como a secreta vida sexual das sardinhas em lata de conserva.

A sua SUSPEITA é com base em quê? Convicção pessoal ou num estudo cientifico? Brilhante, passam agora pela Sede do BE os portugueses a dizer aquilo que é para eles importante?

Pois é o facto em si, o voto dos emigrantes, não interfere com a vida dos portugueses, agora o que está por trás da coisa sim é importante. O que acho brilhante é que passados 30 anos, sim 30 anos virem umas mentes brilhantes descobrir a gravidade da situação. PS tenha dó!
Que o Partido Socialista o faça, compreendo, trata-se de sobrevivência agora que outros vão na onda é que eu já não vejo bem os motivos.

Ah já agora dê-nos a sua douta suspeita, o casamento entre pessoas do mesmo sexo importa assim tanto aos portugueses? Ou será que o BE está só a fazer algum favor a uma parte seus clientes?

Vá lá PS responda, não ignore, pois, isso por si só é já sintomático!

deixado a 27/9/08 às 13:19
link | responder a comentário

Meu Caro,

Creio bem que se tenha esquecido da hipótese de que os tais assuntos «...ainda não mereceram uma palavra do PSD» porque este concorda em absoluto com a forma como eles têm vindo a ser geridos, não?...

deixado a 27/9/08 às 13:50
link | responder a comentário

Roberto Ivens,

Claro que não me esqueci, e até acho que é isso mesmo. O PSD não tem nada para se distanciar do PS no que é essencial, levanta estas questões de forma como os gastos do comício e o teleponto, vulgo powerpoint para a MFL.

Caro Ibn Erriq,

Baseio nos estudos de opinião, vulgo eurobarómetro. Vá lá procurar pelo voto dos emigrantes e pelo Estatuto dos Açores, que o PSD votou favoravelmente!. Desejo-lhe boa sorte.

Quanto ao Bloco, é capaz de não ter reparado mas tem uma campanha de outdoors na rua contra o código do trabalho, fez a marcha contra a precariedade nos dois últimos fins-de-semana, e no debate com o Sócrates falou de juros e preços da gasolina. O PSD falou do quê?

deixado a 27/9/08 às 14:10
link | responder a comentário

Mouzinho
um escândalo de declarações.....

http://clix.expresso.pt/gen.pl?p=stories&op=view&fokey=ex.stories/411269

avisem o Falcão sff

deixado a 27/9/08 às 14:57
link | responder a comentário

[...] Pedro Sales, no Arrastão [...]

deixado a 27/9/08 às 15:45
link | responder a comentário

Ibn Erriq
Bom já vi que não quer responder à pergunta. Ok está no seu direito, mas isso demonstra muita coisa!

Como já disse muitas vezes compreendo agora porque deixei de votar no BE.

Mais, certo dia uma pessoa que conhecia no BE disse-me qualquer coisa do género "Se um dia o Bloco chegasse ao poder emigrava" na altura não compreendi, mas é agora claro.

Facilitava-nos imenso que nos desse os links para "estudos de opinião, vulgo eurobarómetro", para podermos confirmar as suas opiniões. Aproveitávamos também para ver a importância que os portugueses dão ao casamento entre pessoas do mesmo sexo!

deixado a 27/9/08 às 15:59
link | responder a comentário

Estou a borrifar-me para os cartazes do BE, os PowerPoints de Sócrates e até para as "avózices" de MFL, não só por serem pormenores como por não terem um papel prático no dia a dia.

Porém, quando Pedro Sales lista as prioridades do momento (realmente prioridades: Código de trabalho, desemprego, OE, preços da gasolina ou o impacto da crise financeira e do BCE nos juros), não vejo o dedo do BE, porque estou num blog privado, não do partido (por muito que os escribas tenham ideias coincidentes seja com o partido que for) e revejo nessa lista as minhas preocupações gerais (embora o preço da gasolina e os juros façam parte das minhas preocupações mais particulares).

Se alguns comentadores acham o voto do emigrante e o estatuto dos Açores, temas mais importantes, então o seu estilo de vida está bem salvaguardado. Benza-os Deus.

Cumprimentos

Von

deixado a 27/9/08 às 16:00
link | responder a comentário

João Gomes
Não percebe o silêncio de MFL? Não perde pela demora, o JPP deve estar a gravar o "bolero" do costume e então entenderá!

deixado a 27/9/08 às 17:32
link | responder a comentário

Ibn Erriq,

Respondi-lhe às suas questões. Não tenho culpa que entenda que o desemprego, as taxas de juro e os preços da gasolina não são das principais preocupações dos portugueses. É isso que dizem os estudos de opinião e esperava não ser necessário andar a espalhar isto de links: http://economia.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1333406&idCanal=57

Portugueses são os mais pessimistas da União Europeia

O "Eurobarómetro" da Primavera, realizado entre finais de Março e finais de Abril, revela que os portugueses são, entre os 27, os que perspectivam com mais pessimismo o que vai ser a sua situação de vida em termos gerais e a situação do agregado familiar nos próximos 12 meses, apresentando ainda dos valores mais baixos quando convidados a antever a situação de emprego e a situação económica no país.

deixado a 27/9/08 às 18:25
link | responder a comentário

Nom_de_Guerre
A ausência de uma oposição credível é um cenário desesperante para todos os que não se revêem nem na Socracia nem no PSD das manobras (pessoais) interinas.

Aí vem outra onda de abstenção...

deixado a 27/9/08 às 19:21
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador