Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

Arrastão dos comentadores: Se não estudas estás tramado

Arrastão, 28.05.10
Texto de Maria Henriques (maria**)



E depois da festa e dos devidos parabéns ao arrastão, cá voltamos nós de novo ás tristes realidades nacionais.se não estudas estás tramado, ora nem mais

O Blogue o Arrastão está de Parabéns.
O seu quarto aniversário está próximo e para o celebrar a ideia não podia ter sido melhor.
Convidaram 15 dos que por ali passam a comentar-lhes os postes, o que demonstra que o respeito pelas ideias diferentes e pela liberdade de expressão é mesmo algo para ser levado à séria .Ora esta realidade, aplicada ao universo bloguístico é rara e deve ser reconhecida, porque não são muitos os sítios onde essa mesma liberdade de expressão é respeitada, sendo que são quase sempre os que defendem ideias iguais aqueles que se sentem bem vindos na maior parte dos blogues por onde passo.
O Arrastão está pois de Parabéns, porque desde o começo da sua existência sempre usou como prática a abertura aos mais diferentes pontos de vista, aceitando até ( e eu sou disso testemunha) muito comentário provocador e até menos educado de gente cuja única intenção era a de agredir e não a de colaborar.

Ora neste nosso universo nacional , seja por causa da crise internacional , seja por causa das crises nacionais e pessoais , é muito mais fácil encontrar gente que agride que gente que colabora.
Exemplo desta intransigente atitude é toda aquela gente que critica não aceitando a diferença , e que exige dos outros aquilo que nunca dá. É creio eu uma questão de educação.
Alguns de nós são educados para o optimismo e para a tolerância, outros são educados para o pessimismo e para a intolerância. Alguns de nós vêem nos outros e nas diferenças de opinião, uma riqueza e um ponto de partida para uma melhor procura da integração de todos na sociedade; outros sentem toda a diferença como um ataque à sua realidade procurando asfixiar-lhe tantos os príncipios como a expressão.

Verdade seja dita que quanto mais alguns uivam a propósito de liberdades próprias , tanto mais tentam limitar as liberdades alheias , criando assim um universo recheado de hipocrisia, mais dada à protecção dos mais inconfessáveis interesses, que à justiça que deve existir para o bem estar da comunidade a que pertencem. A propósito desta coisa da educação, das liberdades e das comunidades ouvi o magnífico depoimento do Dr.Marçalo Grilo, ex-ministro da Educação e pessoa que para além de saber muito bem o que quer das realidades que o cercam parece também ser alguém muito capaz de dizer aquilo que quer sem insinuações nem tibiezas.

Continuar a ler no link em baixo



Marçalo Grilo foi muito directo.
E na conversa havida com o Jornalista Mário Crespo disse com imensa clareza aquilo que os tais pessimistas e intolerantes mais destestam ter que ouvir.
Disse que as Escolas em Portugal melhoraram imenso e que muitas existem hoje de grande qualidade seja no Ensino Público como no Privado ; que o Ensino deve ser dirigido no caminho da simplicidade e não no caminho das dificuldades inúteis que só transtornam o pensamento tanto do que ensina como daquele que aprende, que a Juventude Portuguesa tal como o Ensino, melhorou imenso e que esta história do bullying outra coisa não é afinal, senão a expressão medíocre dos que sendo pessimistas e intolerantes, se transformam em gente incapaz do diálogo e da aceitação, usando da violência pela impotência do uso da inteligência.
Ou seja ; e isto digo eu;-gente que não exercitando a inteligência fica incapacitada na sua sensibilidade, impedida de evoluir para um estado mais humano , logo superior estado de consciência.

" Se não estudas, estás tramado" é pois o título do livro que o Professor Marçalo Grilo foi apresentar ao Sic Mário Crespo e foi um prazer ouvi-lo.
Porque num País onde certos Ex Ministros de má consciência, passam a vida em diatribes contra a Juventude e contra o Ensino, num País onde certo tipo de pessimistas mais não fazem senão tentar deitar abaixo as energias colectivas , arrogando saberes que não possuem e que são apenas feitos de sombras e de desejos muito controversos, é muito bom ficar a saber que também existe boa gente de inteligência e espírito aberto aos outros, capaz de ver neles o melhor e não o pior, apontando um caminho de esperança e optimismo, assente no melhor que este País já produziu e que tanto e tão bom já ofereceu a todos os que por cá lutam e labutam e que cada vez mais precisam de ouvir a esperança que possa calar um pouco mais a ignorante arrogância de tantos que se julgam melhores que os outros.

Assim; ter ouvido a excelência do conhecimento deste Ex Ministro, compensou de certo modo toda a gritaria e toda a histeria daqueles que se estudaram se calhar estudaram mal, ou que tendo tido o privilégio de estudar num tempo em que o estudo estava proibido a todos os que não fossem de determinadas classes sociais, se esqueceram completamente que do estudo, o que de melhor se pode guardar é o respeito pelo outro , seja esse outro igual ou diferente de nós.

Na verdade -” Se não estudas estás tramado”. Grande verdade e tão a propósito.
Parabéns pois a todos aqueles que estudaram e não esqueceram o que de melhor lhes foi ensinado.
Porque é com esses que se constrói o Futuro.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.