Quinta-feira, 22 de Dezembro de 2011
por Sérgio Lavos

Aos indignados com as condolências do PCP na morte de Kim Jong-il: qual é a diferença entre a ditadura norte-coreana e a ditadura chinesa? Se agora viesse a empresa (estatal) de electricidade norte-coreana comprar a participação do Estado português na EDP, já se poderia dizer que é o normal funcionamento dos mercados e portanto o PCP estaria desculpado? Será que um partido não pode enviar uma saudação a um povo que perdeu o seu líder mas um Governo pode ceder o património do Estado a uma empresa pública de uma ditadura? E, já agora, como explicar esta venda a uma empresa com capitais 100% públicos no âmbito da política de privatizações - obrigatórias, de acordo com o credo neoliberal - deste Governo? Ah, a indignação selectiva dos nossos "liberais" - e alguns conservadores - de direita... um primor de hipocrisia. 

 

Adenda: No Blasfémias, alguém fica contentíssimo com a entrada da ditadura chinesa na economia europeia, sobretudo porque compra uma empresa em vez de financiar o diabo do "estado social". Ah, estes bravos defensores do capital são espectaculares. A democracia, a liberdade? Pormenores, grãos de areia na fantástica engrenagem neoliberal. Quem diria que o modelo chinês - um país, dois sistemas - seria o escolhido para o capitalismo do futuro?

 

Adenda 2: Os comunistas portugueses são obtusos. OK. E os chineses, serão o quê?

 

Adenda 3:  Vamos todos ignorar o "detalhe" da China "estar longe de ser uma democracia". Vamos! E a seguir, 'bora lá ignorar o "detalhe" da Coreia do Norte "estar longe de ser uma democracia" - deve haver com certeza alguma empresa pública nossa em que o Kim Jong-in esteja interessado.


por Sérgio Lavos
link do post | comentar | partilhar

53 comentários:
"...qual é a diferença entre a ditadura norte-coreana e a ditadura chinesa?"

pois, o problema é esse mesmo Sérgio. É tu não saberes a diferença.

deixado a 22/12/11 às 22:01
link | responder a comentário | discussão

Ah, então há diferença. Muito bem, está explicado. Onde é que cabe o teu lema - 25 de Novembro sempre, fascismo e comunismo nunca mais - nesse ponto de vista? A China é uma democracia liberal? A última vez que vi, era uma ditadura comunista...


Gentleman
São ambas ditaduras, é verdade. Mas, a bem do rigor, há uma diferença de grau.
A ditadura norte-coreana é muito, muito, muito mais repressora do que a chinesa. A chinesa actual, note-se. Porque no tempo do Mao era mais ou menos do tipo da norte-coreana.

deixado a 23/12/11 às 09:23
link | responder a comentário | início da discussão

Joao
Podias ter avisado mais cedo que: "O que o Sergio não sabe, não existe."


Está bonito esse ego!


Que tal uma visitinha a ambos para perceberes a diferença em vez de fazer afirmações com base na ignorância? Ou tens medo que a partir do momento que descobres algo, passa a existir?

deixado a 23/12/11 às 11:59
link | responder a comentário | início da discussão

Sérgio a China é algo que não tem sequer qualificação.

Numa cidade pode ser um expoente capitalista como numa província pode ser um refugio comunista perdido no tempo.

Agora 2 coisas não é de certeza:

- Não é uma democracia ;
- Não é um pais tão repressivo como a Coreia do Norte.


Bonifacio Milhoes

Ele ate sabe o que e' uma democracia chinesa.
e um comunismo repressivo coreano.
e o que e' um mastroideu.
genial.
MAMAO!!!!!!!

deixado a 23/12/11 às 22:16
link | responder a comentário | início da discussão

Bonifacio Milhoes

MAMAO!!!!!!

deixado a 23/12/11 às 22:13
link | responder a comentário | início da discussão

Anónimo
Outra vez a insistência em culpar o mercado? Então mas as acções da EDP estiveram à venda no mercado livre de forma aberta à compra por qualquer um e em qualquer quantidade ou foi negociada pelo actuais governantes do estado? Foi o mercado ou foi o estado o responsável?

deixado a 22/12/11 às 22:09
link | responder a comentário

armenio
pergunta ao pcp a diferença. 

deixado a 22/12/11 às 22:10
link | responder a comentário | discussão

pois, aí é que está, para o PCP não há diferença: a Coreia do Norte e a China são dois regimes comunistas. Pelo menos, são coerentes. E os liberais de direita?


Vamos a ver se de uma vez para sempre se compreende uma coisa; a China não é um país comunista.
Já foi, também já tiveram muita fominha, hoje é diferente. Aprenderam.
Se quiserem eu posso fazer um desenho para melhor compreenderem.


Então alguém deveria avisar o PC chinês. É que eles ainda acham que são comunistas...

deixado a 22/12/11 às 23:46
link | responder a comentário | início da discussão

Talvez o Fado queira fazer um desenho para enviar ao Hu Jintao.


JEM
"Não interessa se o gato é preto ou branco, desde que cace ratos, é um bom gato". Deng Xiaoping, justificando a mudança do regime económico comunista para capitalista.






Portanto, depreendo que para si uma ditadura capitalista é menos reprovável do que uma ditadura comunista?


JEM
São ambas reprováveis. A vantagem da ditadura capitalista é que irá durar menos tempo, é mais fraca. Numa ditadura comunista / socialista, o poder está muito concentrado.  


De qualquer forma, não era o ponto da resposta. O ponto é que a economia da china não é comunista.


Deixou essa doutrina no final dos anos 70, para grande proveito da sua população. A transformação do comunismo para o capitalismo da economia chinesa foi o fenómeno que tirou mais gente da miséria em toda a história da humanidade.


Slint
Será que tirou? olhe que eu ouvi dizer que naquelas aldeias perdidas no meio da china ainda há  muita fome.
De qualquer maneira a china obviamente não é um país comunista, é tão ou mais capitalista que os estados unidos mas toda a gente sabe porque é que ninguém lhes quer fazer frente, e chama-los de ditadura comunista. Ter um exercito com 8 milhões de efectivos, mete respeito não é? 

deixado a 23/12/11 às 02:39
link | responder a comentário | início da discussão

Já responderam ( e muito bem) por mim.
Acrescento apenas que não há "ditaduras" capitalistas.
Se fizesse um desenho ele mostraria a diferença entre uma "economia de planeamente central por oposição a uma economia de mercado" cf Archie Brown. 
Se insistirem muito faço um a cores.

deixado a 23/12/11 às 01:12
link | responder a comentário | início da discussão

armenio
ah, e sim, sigam as condolencias do pcp ao rei comunista norte coreano

deixado a 22/12/11 às 22:12
link | responder a comentário

Miguel
Bravo! Na mouche!

deixado a 22/12/11 às 22:33
link | responder a comentário

A diferença está no acto. Tu queres fazer dos portugueses coreanos, nós queremos fazer dos chineses portugueses. Tu queres pagar a quota, nós estamos a cobrar a jóia.

deixado a 22/12/11 às 22:34
link | responder a comentário | discussão

O Tono deve saber ler a minha mente. Eu só queria fazer dos portugueses menos parvos. Mas em muitos casos é realmente difícil.


Tens aí um problema de vasos comunicantes :)

deixado a 23/12/11 às 09:28
link | responder a comentário | início da discussão

JEM
Sérgio Lavos, se acha que não podemos ter relações comerciais com ditaduras, então seja coerente e boicote produtos chineses. Sugiro que boicote já o teclado chinês onde escreveu este post.

deixado a 22/12/11 às 22:35
link | responder a comentário | discussão

Eu não sugiro nada, não sou um Estado. Mas portanto, deixe-me lá ver se eu entendo: pode-se negociar com ditaduras, mas não se pode mandar condolências a ditaduras? É isso?


JEM
Já vi que, apesar de tudo, prefere continuar a utilizar o seu teclado chinês  : )


Podem-se mandar condolências aos povos de ditaduras, mas não pela morte do carcereiro-mor do gulag.


Aconselho-lhe este livro para conhecer melhor pela morte de quem quer mandar condolências.


http://www.wook.pt/ficha/os-aquarios-de-pyongyang/a/id/1995668 (http://www.wook.pt/ficha/os-aquarios-de-pyongyang/a/id/1995668)


Pois, aí é que está: eu não quero mandar condolências a Kim Jong-il. Os ditadores facínoras não são a minha chávena. Mas também fico aborrecido por ver empresas estratégicas portuguesas serem vendidas a empresas públicas de uma ditadura. E olhe, aquários há muitos. O actual regime chinês é o mesmo que matou milhões durante o "reinado" de Mao Tse-Tung e a seguir. E continua a matar. Se calhar mais do que o regime norte-coreano. Não, desculpe. De certeza que no presente, mais. Os "terroristas", como eles lhes chamam. Tibetanos. Cristãos. Muçulmanos. Dissidentes. Aborrece-me, que quer que lhe diga?


JEM
A China de hoje e a de Mao são muito diferentes. Mao foi o maior assassino de massas de sempre. A China era uma Coreia do Norte do tamanho de um continente. Com o pragmatismo de Deng Xiaoping muito mudou, e para melhor. 


O regime tem-se aberto ao mundo. Não creio que ter uma postura antagónica e isolacionista com a China ajude um processo de maior abertura politica. Pelo contrário, iria fazer sofrer ainda mais a população (como acontece com o embargo dos EUA a Cuba). 


Julgo que o melhor caminho será a progressiva integração comercial e a pressão diplomática inteligente (como o prémio nobel da paz para Liu Xiaobo).


Por isso não me choca a venda de 21% da EDP às CTG. Para quem quisesse criticar, qualquer que fosse o comprador haveria sempre quem arranjasse um motivo (imagine o que se estaria a dizer se tivesse sido a E.On...).


Acharei, sim, criticável se no futuro, por motivos comerciais, Portugal deixe de fazer pressão diplomática para que haja maior abertura política. 


Mike
O Mao o maior assassino?

Foda-se pá... então não era o Estaline...

Foda-se pá... andei estes anos todos enganado??

Foda-se pá...

deixado a 24/12/11 às 10:59
link | responder a comentário | início da discussão

Será preciso repetir um milhão de vezes que a EDP não foi vendida aos chineses.
Em vez de um desenho faço uma comparação, se comprarmos o Messi compramos o Barcelona?


O que é que isso interessa? Se não fossem os chineses, eram os alemães, se não fossem os alemães era o Amorim, se não fosse o Amorim era outro qualquer... Ele é de esquerda, a sua missão no mundo é fornecer desculpas. Fosse quem fosse que comprasse,  é uma nova fonte de desculpas onde os merdas vão beber para justificar a sua vida de merda. Não compram uma única acção das que estão no mercado por metade do preço, mas vender aos chineses é um crime...

deixado a 23/12/11 às 23:08
link | responder a comentário | início da discussão

done

Quê, JEM, eu não acredito que o Sérgio, que tão bem escreve, o faça num tal teclado, não, que isso seria impuro e não menos escandaloso, impróprio, enfim, que 'amandar condolências' à morte de homem mortal ?!

deixado a 23/12/11 às 00:15
link | responder a comentário | início da discussão

Sergio,

No meio de toda esta sugidade, puro , puro só o BE.

deixado a 22/12/11 às 23:10
link | responder a comentário | discussão

Bolota, isso é ironia? Por acaso, o BE condenou esta operação de venda E nunca elogiou o regime norte-coreano. Puros não serão, mas pelo menos não defendem ditaduras.


Sergio,

Não defendem ditaduras nem nunca defenderão, por uma razão simples, pelo andar da carruagem, ficarão pelo caminho.

deixado a 23/12/11 às 10:56
link | responder a comentário | início da discussão

done

Cá a mim não me repugna nada o envio de condolências do PCP pela morte de um dirigente político de um povo, lá seja qual for, se mais não seja manifesta sensibilidade, nobreza e sentido humanitário de dever.
Como não me repugna mais a compra de parte da Edp por parte dos Chineses, desde que ofereceram as melhores condições, com o valor mais elevado pelos mesmos 21% que era a vender.
E nem vejo onde esteja o perigo para-social do ato, comparado com a prepotência de uma greve comprovada, parece, dos maquinistas da CP, em tempo de Natal, e que não fosse, à vista do enorme prejuízo material e moral imposto sobre quantos pobres nesta época ( como noutras ) contam com esses transportes para se deslocar .

deixado a 22/12/11 às 23:15
link | responder a comentário

Mephistos
"Quem diria que o modelo chinês - um país, dois sistemas - seria o escolhido para o capitalismo do futuro?"  

Era bem de esperar... o melhor de dois mundos para classe políticas corruptas e decadentes.

Sr, António Cunha, vá pentear macacos, sff.

deixado a 23/12/11 às 00:13
link | responder a comentário | discussão

done
A propósito, Mephistos, o Sr António Cunha foi aonde lhe pediu, por please e sff ?

deixado a 24/12/11 às 12:18
link | responder a comentário | início da discussão

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador