Sexta-feira, 23 de Dezembro de 2011
por Sérgio Lavos

Governo espanhol confirma mudanças na lei do aborto “para preservar a vida”. 

tags:

por Sérgio Lavos
link do post | comentar | partilhar

103 comentários:
Joao
Idade das trevas é a escolha de uma data aleatória para poder eliminar uma vida? 10 semanas, 12 semanas, 16 semanas, 36 semanas...


Ah grande progresso!



deixado a 23/12/11 às 21:53
link | responder a comentário

não nos preocupemos. teremos sempre o modernaço sr. lavos a defender os avanços civilizacionais do(s) umbigo(s).


j

deixado a 23/12/11 às 21:54
link | responder a comentário

Minhoto
É a Vida, habituem-se! 

deixado a 23/12/11 às 21:54
link | responder a comentário | discussão

Gentleman
Nesta decisão do governo espanhol eu vejo uma óptima oportunidade de negócio para as clínicas portuguesas -- especialmente aquelas que estão situadas próximo da fronteira.
Será uma forma de compensar a sangria diária de dinheiro que sai do país por causa dos portugueses que vão fazer compras e abastecer a Espanha.


A.Silva
É o que se chama o comentário de um f.d.p.

deixado a 24/12/11 às 18:20
link | responder a comentário | início da discussão

Hugo
Quem tem dinheiro vai continuar a abortar quem não tem vai ser obrigado a "preservar a vida".

deixado a 23/12/11 às 22:01
link | responder a comentário

Matar pequenos seres humanos é que é um grande avanço civilizacional !!!

deixado a 23/12/11 às 22:08
link | responder a comentário | discussão

CausasPerdidas
Civilização por civilização, toda a gente sabe que não há nada melhor que uns bombardeamentos para manter o controlo populacional.
Por que será que a maioria dos "pela vida" estão sempre do lado das guerras?


Bombardeamentos e quanto mais cirurgicos melhor porque são mais devastadores...

deixado a 24/12/11 às 13:34
link | responder a comentário | início da discussão

Sargento

E a ter filhos sem os poder ter, chamasse o quê, VIVER???

Feliz Natal


antonio cunha
não os poder ter ? se todos estivessem à espera de boas condicoes ninguem tinha filhos. A isso chama-se egoismo. a crianca nao pediu para vir.


é como a deficiente mental q se atirou da ponte com a filha...egoista.


Cunha,


Eu em vez de chamar egoísta, se calhar chamava-lhe desesperada.


Já te deste conta que a noticia não é apurar o que levou uma mãe a fazer o que fez, mas que a criança foi encontrada por um GNR, transformado em herói???
Sabes o que se chama a isto???  Chamasse o sistema a funcionar.


Quanto ás boas condições para se ter filhos cada um sabe as linhas com que se coze e só há uma forma de resolver isto dando liberdade de escolha e o IVG permite-te isso.


Repara na hipocrisia, por um lado o sistema queixa-se da baixa natalidade, por outro promove o suicido de uma mulher fértil.


Tu chamaste egoísta á mulher eu chamava a quem a empurrou, filhos da put@ 


Independentemente disso tudo Bolota, nada mas  mesmo NADA lhe dava o direito de querer matar a filha.


Um filho não é propriedade nossa. É um ser humano que tem todo o direito a viver e a ser feliz.

deixado a 26/12/11 às 17:49
link | responder a comentário | início da discussão

antónio pedro pereira
Senhor Cunha:
Não avalie nem ponha etiquetas de forma leviana em quem não conhece, nem os dramas por que cada pessoa pode estar a passar.
Um bocadinho de respeito para com a memória dos outros e de bom senso nunca fizeram mal a ninguém.


a senhora que se atirou da ponte fê-lo por sua livre e espontaneamente vontade e não me interessa minimamente o motivo pelo qual o fez.


Agora levar a filha consigo, demonstra um egoísmo inqualificável que não posso aceitar, e por isso a caluniei e e voltaria a fazer.


Que direi-to lhe assiste querer tirar a vida à filha ? 

deixado a 26/12/11 às 17:53
link | responder a comentário | início da discussão

antónio pedro pereira
Senhor António Cunha:
Mas as guerras que o senhor defende sempre, como a nossa colonial, que comeu 43% do Orçamento durante 13 anos, matou e mutilou milhares de «pequenos e grandes seres humanos», assim como a do Iraque, em que morreram 650 mil «pequenos e grandes seres humanos», consumiu biliões de dólares e destruiu um país: aí já não há problemas morais nem gastos, pois não?


antonio cunha
tudo o que diz e verdade, excepto uma coisa, mas quem lhe disse que fui a favor da guerra colonial ?

E  isso invalida o assassinato de crianças ?

deixado a 24/12/11 às 18:39
link | responder a comentário | início da discussão

antónio pedro pereira

Senhor António Cunha:

Mas as guerras que o senhor defende sempre, como a nossa colonial, que comeu 43% do Orçamento durante 13 anos, matou e mutilou milhares de «pequenos e grandes seres humanos», assim como a do Iraque, em que morreram 650 mil «pequenos e grandes seres humanos», consumiu biliões de dólares e destruiu um país: aí já não há problemas morais nem gastos, pois não?


deixado a 24/12/11 às 15:38
link | responder a comentário | início da discussão

xuxu
Chama-se democracia. Um conceito que os bloquistas parecem ter dificuldade em engolir: Opinioes diferentes nao sao "o mal" ou a "idade das trevas". Sao opinioes diferentes.

Relativamente ao tema em apreco (declaro que sou ferrenhamente pro-escolha) folgo em saber que estamos protegidos do fundamentalismo catolico por um referendo. No entanto o governo actual (com um fandamentalista catolico na saude - ou melhor a dar cabo da saude) de certeza ira tentar  - por meios pouco decentes - ir contra o resultado democraticamente decidido: medidas administrativas, cortes de fundos, ...

deixado a 23/12/11 às 22:37
link | responder a comentário | discussão

Pode-se tentar fazer novo referendo, o que acha desta ideia?


Pedro
Pode ser que a alteração seja chumbada com uma votação ainda mais expressiva do que aquela do primeiro referendo.


Pois pode, basta que 26% dos portugueses votem SIM.
Acontece que se o NÃO explicar quanto é que cada português já pagou por cada aborto feito até tremo de pensar no anti-orgasmo que vão ter.


antónio pedro pereira

Fado Alexandrino:

E quanto é que cada português pagou pelos gamanços dos seus amigos e colegas de partido ou de ideologia Dias Loureiro/Oliveira e Costa (BPN – para já, 4 mil milhões, com a conivência do altas figuras a quem foram oferecidas 200 mil acções ao preço da chuva, a troco de nada, como é evidente), Isaltino (Câmara de Oeiras), Costa Freire/Zézé Beleza (Ministério da Saúde), Duarte Lima (Quinta de Sintra), Costa Neves/Nobre Guedes/Abel Pinheiro/etc. sobreiros da Vargem Fria (Benavente), António Preto e a mala de notas, etc. etc. etc.

Eu sei que para si só contam as despesas com a IVG e os gamanços de Macau, da Face Oculta, da Fátima Felgueiras, etc. etc. etc., para mim contam todas, por isso lhe avivo a memória.

Só o gamanço do BPN dava para todas as mulheres férteis fazerem as IVG que quisessem até ao resto da vida, se todas o quisessem fazer.

Não seja sectário.



Obrigado.
Eu não tenho nenhum amigo nem sequer conhecido nem quero ter em nenhuma das personalidades mencionadas.
E também não pertenço a nenhum partido, sou livre como um passarinho de criticar quem muito bem entender.
Isto é dificil de entender, pois é.

deixado a 25/12/11 às 00:15
link | responder a comentário | início da discussão

web/sniper
Acho que se deve inscrever mais uma regra de ouro na Constituição. Sempre que existir um novo Governo procede-se a um referendo sobre o aborto.
Esrá bem ou perguntamos à Srª. Merkel?

deixado a 24/12/11 às 08:41
link | responder a comentário | início da discussão

Fado,

Belissima ideia...quem não levanta o cu da cama sei eu quem é , que se fodam.

Festas Felizes


Obrigado.
Limitei-me a lançar uma ideia, como fizeram os suficientes até o SIM ganhar acho justo que se faça o contrário até o NÃO ganhar.
É assim que funciona a democracia, a voz ao povinho até ele dizer o que queremos.

deixado a 24/12/11 às 14:44
link | responder a comentário | início da discussão

joão
Quero saudar esta decisão corajosa do Governo Espanhol que põe a Vida de Seres Humanos à frente de ideologias retrógradas e essas sim na Idade das Trevas.


Nenhum ser humano tem o direito a decidir se outro ser humano pode ou não viver !

deixado a 23/12/11 às 22:44
link | responder a comentário | discussão

Von
Vamos fazer um referendo a proibir as guerras e abolir os exércitos?

deixado a 24/12/11 às 05:47
link | responder a comentário | início da discussão

CausasPerdidas
São os mesmos que apoiaram entusiasticamente o bombardeamento do Iraque... "por causa das armas de destruição maciça". Não diga mais, "eles viviam na idade das Trevas"...

deixado a 24/12/11 às 13:36
link | responder a comentário | início da discussão

Exactamente como diz a lei do aborto. Só faz quem quer.
Ao contrario do que quer o Governo Espanhol, só faz quem pode.

Acha que em Espanha , para não falar em Portgal, há condições para que as familias se encham de filhos??? Não se esqueça que ter filhos não é só faze-los é muito mais que isso.

deixado a 24/12/11 às 13:41
link | responder a comentário | início da discussão

Ana Luisa
Esperemos que em Portugal a legalização  do aborto, que se tornou um meio anti-conceptivo, seja tb revista .
Em pleno seculo XXI é inadmissvel que ainda existam homens e mulheres vindos das trevas que acham que ser a favor do aborto é ser-se "evoluido", é pertencer-se "à esquerda". Planeamento familiar, sexualidade responsável , respeito pela vida , IVG  regulamentada exclusivamente para os casos em que ela se justifica isso sim, são  atitudes que gente evoluida e bem preparada consegue entender.

deixado a 23/12/11 às 22:52
link | responder a comentário | discussão

Gallup
É um assunto em que até me manifesto pouco. Mas vendo bem essa lei devia já até era ter décadas. Podia ser que assim não tivessem aparecido no mundo Anas Luisas, Toniblers e outros atrasados que por aqui e pelo mundo pairam sempre a debitar merda pela boca sem enxergar para além do seu próprio umbigo.

deixado a 23/12/11 às 23:07
link | responder a comentário | início da discussão

CausasPerdidas
Pois, o problema é que os anti-direito ao aborto também não vão muito à bola com a contracepção livre.
O Planeamento Familiar a sério só existe nos Estados que defendem o Direito à Escolha. Coincidência, não é? E são também onde há menos mulheres estropiadas pelo aborto clandestino: Mais, uma coisa sem importância quando se trata de impor os seus próprios conceitos conceitos morais. Direito à Escolha é bem diferente de Idade das Trevas.

deixado a 24/12/11 às 13:33
link | responder a comentário | início da discussão

Ana Luísa,


Em pleno século XXI é inadmissível que ainda existam mulheres , nomeadamente mulheres, a pensar como pensa.
Ainda não percebeu que com a IVG se quiser faz se não quiser não faz???


Das duas uma ou já está fora de prazo que é o mais certo...ou é daquelas que vai a Espanha despejar a tripa porque tem condições para o fazer.







deixado a 24/12/11 às 20:13
link | responder a comentário | início da discussão

mas eles acham-se uns modernaços. uns corajosos. prontos a levar-nos pela mão para o progresso imparável. 
para a morte.


j

deixado a 24/12/11 às 20:59
link | responder a comentário | início da discussão

José Estalinho
Tanto amante da vida... sádicos que preferem ver crianças a crescerem sem condições em tempo de crise, a passarem fome e a sofrerem maus tratos dos pais. Penso neles de cada vez que acabo de me masturbar - lá vão milhões pela sanita abaixo.

deixado a 23/12/11 às 22:59
link | responder a comentário

Portela Menos 1
com a Espanha, e a Europa, a ir pelo cano a primeira preocupação da direita é a lei do aborto; estamos conversados.

deixado a 23/12/11 às 23:25
link | responder a comentário | discussão

PT
E a da "esquerda" foi o casamento gay e a mesma lei do aborto. E também já estava tudo a ir pelo cano. Estamos conversados?


PORTELA Menos 1
"Estamos conversados?"
f***-**, com esse ar ameaçador claro que estamos conversados :-)


PT
Ar ameaçador??? Da próxima vez é melhor verificar a quantidade de bagaço que lhe metem nas filhós... 


Portela Menos 1
Quem fala no barco, quer embarcar.
Já dei para o peditório do insulto. Ponto.

deixado a 25/12/11 às 22:08
link | responder a comentário | início da discussão

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador