Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

Propinas

Bruno Sena Martins, 29.11.12
Tentar renegociar a dívida? Disparate. Propinas no secundário? Excelente ideia.

O sistema de valores por que se pauta Passos Coelho é da ordem da excentricidade revolucionária, um sistema ora legitimado pelo necessário conformismo à 'lei dos tempos', ora institucionalizado pela democracia portuguesa. Que ninguém duvide, vivemos em tempos revolucionários; desgraçadamente nestes tempos as revoluções são menos veleidades utópicas do que distopias reinantes.

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 29.11.2012

    "vi a entrevista do 1º ministro, e não o ouvi falar"
    exactamente, viu.
    nao ouviu
  • Sem imagem de perfil

    Alexandre Carvalho da Silveira 30.11.2012

    Sr anonimo ignorante, esta entrevista não tinha lá no canto inferior direito aquela simpática senhora a fazer linguagem gestual. Portanto, eu VI a entrevista do Passos Coelho, porque passou na tv e isso representa imagem, e OUVI o que ele disse, porque estava a falar. percebeu? você se calhar tem um rádio a pilhas lá em casa, e pensa que é uma televisão.
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.