Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

A boa governança

Sérgio Lavos, 17.12.12

"Entre outros, Angela Merkel rejeitou a possibilidade de aumentar os impostos sobre a sucessão ou património, já que isso "prejudicaria a classe média alemã, a espinha dorsal da Alemanha".

 

"Em caso de nova quebra conjuntural, o presidente do patronato alemão propõe activar de novo a legislação no sentido da redução horária da semana laboral, conhecida como "Kurzarbeit", que permite conservar postos de trabalho e evitar despedimentos."

 

Lê-se e quase que não se acredita. Isto são boas políticas económicas em tempo de recessão. O contrário do que está a ser aplicado por cá. A culpa não é da hipocrisia de Angela Merkel, fomentada pelas necessidades eleitoriais do próximo ano. É mesmo da incompetência e da fraqueza do Governo perante os poderes europeus, e sobretudo da insistência em persistir nas políticas que falharam estrondosamente em 2012, impossibilitando o crescimento económico e qualquer esperança de recuperação da economia nacional e aprofundando o fosse entre Portugal e os países mais ricos, como a Alemanha - o ataque aos direitos dos trabalhadores terá como consequência isto mesmo. Não devemos esquecer quem são os principais responsáveis pela destruição do país.

4 comentários

Comentar post