Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

E Crato continua

Daniel Oliveira, 18.12.13

Recuso-me a comentar a frase de Nuno Crato, que diz que as suas “dúvidas são sobre a formação obtida nas Escolas Superiores de Educação" pelos professores. Um país que tem este irresponsável, sem qualquer sentido das suas obrigações institucionais, como ministro é um país que não está mesmo bem.

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    fado alexandrino 19.12.2013

    Minha senhora, escreve-se "pôr".
    Como vê "por" isso ele têm muita razão para se questionar onde "pôr" a qualidade deste ensino.
  • Sem imagem de perfil

    AEfetivamente 19.12.2013

    Ou a (des)qualidade de quem era suposto aprender. É que as pessoas que escrevem com erros (que não é o caso, foi decerto uma gralha) fazem-no porque não souberam - ou quiseram - aprender.
  • Sem imagem de perfil

    fado alexandrino 20.12.2013

    Try to learn something about everything and everything about something.
    T.H.Huxley
    (Memorial stone)

    Obrigado.
    Infelizmente é um erro recorrente, não é uma gralha.
    Encosta-se frequentemente ao "á" do verbo haver e à multiplicidade de "corta-se", "cortasse".
    Raramente corrijo, a não ser que o contexto o peça, mas fico admirado com a frequência destes erros.
    E não é por as pessoas serem incultas, pois as frases aparecem bem construídas.
    Mistérios.
    Fui visitar o seu blog, fiquei com inveja.
    Quem me dera falar inglês como a senhora.
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.