Segunda-feira, 26 de Junho de 2006
por Daniel Oliveira



Este fim-de-semana, houve, em cidades de todo o Mundo, marchas do Orgulho Gay. No Brasil, foram mais de 2,5 milhões de pessoas. Porque estive fora, não pude, ao contrário do que é costume, ir à de Lisboa. Não estavam mais do que 400 pessoas. Parece que ainda estamos mais perto de Moscovo do que da América Latina. E há por cá quem se queixe do lobby gay...


por Daniel Oliveira
link do post | comentar | partilhar

18 comentários:
kapello
hi. please send for me the sexy photos.
thanks

deixado a 25/9/07 às 11:07
link | responder a comentário

mahtabib
im from iran & gay man!

deixado a 15/7/07 às 18:40
link | responder a comentário

ser gay eh ser feliz...
PRECONCEITO ANDA JUNTO COMA IGNORANCIA, IGNORANCIA EH FALTA D INFORMAÇÃO.

deixado a 19/2/07 às 01:03
link | responder a comentário

Neste país de brandos costumes e mentes muito cerradas que parecem muitas vezes não quererem abrir e encarar a realidade um dos factos é que a nossa comunidade existe e não deve ser desprezada pois idependente da nossa natureza não deixamos de ser os mesmos e muito contribuímos para o desenvolver da nossa sociedade que muitas vezes nos incrimina disto e de outras coisas que só de mentes muito tapadas e ignorantes partem.

Pois porque será que por termos uma orientação sexual diferente muitas pessoas nos humilham? Será porque não tem a coragem de ser como nós ou porque muitas vezes são uns daqueles seres frustrados por algo que queriam e não tem coragem para o fazer? Pelo menos nós gozamos os prazeres da vida e acredito muito pouco que sejamos indeferentes a esses frustrados pois se o fossemos eles não reparavam tanto em nós... Será por quererem experimentar o tal pecado ou porque não lhes passamos indeferentes?

Gostaria de viver numa sociedade onde pudessemos ser livres de fazer aquilo que queremos e num país onde se fala tanto de liberdade não a vejo mas enfim...

Uma realidade é que existimos e não lhes passamos ao lado. É por isso que cada vez mais tenho orgulho e gosto de ser gay contrariando tudo e todos eu sou simplesmente aquilo que sou e sempre fui pois nunca mudei e como eu a maior parte dos gays e lésbicas se sente assim. Acho que é muito bom pois só assim poderemos ser felizes para tal basta começarmos a gostar de nós mesmos.

Ser gay é simplesmente ter uma orientação diferente e tal como gostos são gostos cada um é como cada qual. Não podemos ser todos iguais senão a razão da vida perdia um grande valor.

Tudo em mim se move por paixão, por amor, carinho e fé. Sei que tudo em mim é alma e coração.

Tenho orgulho naquilo que sou.

Tudo em mim é mais que o verbo amar. Neste olhar vejo tudo azul, sei que tudo em mim existe para se dar, não há muitas pessoas como eu.

Não é por me amar que eu estou a falar assim nem por ser quem sou e por aquilo que acho de mim, não é por gostar de mim e tanto me dever a verdade tem que se dizer.

Tenho muito orgulho em ser aquilo que sou (GAY) esta é a minha vida e não pretendo alterá-la.

deixado a 14/10/06 às 17:03
link | responder a comentário

Caro Pedro,

Se beijar a sua mulher em público ninguém vai dizer nada, get real. Ninguém gasta um milésimo de segundo a pensar na "normalidade" desse comportamento. Se dois homens ou duas mulheres se beijarem vamos ter, na melhor das hipóteses, olhares desconfiados e comentários mais ou menos sonoros. Já para não falar de outras coisas um bocadinho piores; é que há quem leve tareia, seja posto fora de casa ou seja condenado à morte por causa de um beijo.

E isto independentemente da questão do orgulho/não orgulho, que são outros quinhentos.

deixado a 1/7/06 às 01:03
link | responder a comentário

a.pacheco
Caro Daniel, a forma como os portugueses abordam estes assuntos, ainda está muito eivada de resquicios do salazarismo.

No tempo da ditadura tudo era permitido, a quem estivesse próximo do regime, DESDE QUE NÂO SE SOUBESSE, o ditador hipocrita e beato , tinhas os seus arranjinhos. Ministros, dignatarios da igreja, altas figuras da finança, divertiam-se com os seus Ballet Roses ou Ballet Bleu conforme o gosto.

Tudo era feito sob o manto diáfano da hipocrisia.

Por isso hoje, quando a luz do dia alguem não hesita em assumir uma sexualidade alternativa, a reacção é de estranheza, e a observação normal é:

Não havia necessidade.....

Vai ser necessário ainda passarem muitos anos , e surgirem gerações com outra mentalidade, para que nós portugueses consigamos encarar estes assuntos como:

Questões sem interesse

Ou o famoso
O DIREITO Á INDIFERENÇA

deixado a 27/6/06 às 23:16
link | responder a comentário

O Orgulho gay é um exibicionismo? Talvez o seja para quem pretenda ser reducionista. Seria muito mais confortável, para muita gente, simplesmente partir do pressuposto que os homossexuais não existem. Esconder debaixo do tapete a verdade que sabem existir. Como outrora alguém quis fazer com os direitos das mulheres. Ou com os direitos dos negros. Mas, para todos, houve sempre uma Rosa Parks algures que, orgulhosa da sua condição, deixou de transigir na segregação. Uma exibicionista talvez...

A verdade acre para muito boa gente é que o Tempo e a História estão do lado dos que lutam pelas liberdades cívicas. Habituem-se...

deixado a 27/6/06 às 13:38
link | responder a comentário

Daniel Oliveira
A paridade, do ponto de vista legal, corresponde a um terço. Tenho 4 casais femininos em 12. Sendo legalista, está tudo certo.

deixado a 27/6/06 às 02:21
link | responder a comentário

Zé Bode
Não respeitou as quotas. está a colocar, se não me engano,mais casais masculinos que femininos. E ainda diz que é a favor das quotas...

deixado a 27/6/06 às 00:56
link | responder a comentário

Jordão
"o exibicionismo é o pior adversário do direito à indiferença."

Subscrevo.

deixado a 26/6/06 às 23:55
link | responder a comentário

Comentar post

pesquisa
 
TV Arrastão
Inquérito
Outras leituras
Outras leituras
Subscrever


RSSPosts via RSS Sapo

RSSPosts via feedburner (temp/ indisponível)

RSSComentários

arquivos
2014:

 J F M A M J J A S O N D


2013:

 J F M A M J J A S O N D


2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


2006:

 J F M A M J J A S O N D


2005:

 J F M A M J J A S O N D


Contador