Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

Um desabafo antes de começar o debate histérico sobre a nova lei do tabaco

Daniel Oliveira, 29.03.07



Não deixo de me espantar como tantos que vivem numa cidade que tem uma das artérias mais poluídas da Europa, que assistem anualmente às baixas de uma autêntica guerra civil nas estradas nacionais, que não conseguem andar num passeio porque os carros são donos e senhores de todo o espaço público, que são obrigados, de manhã à noite, a ouvir um coro de buzinas ensurdecedor, apenas porque quase nenhum português se dá sequer ao trabalho de dividir o carro com as pessoas com quem divide a casa, que sabem que o excesso de carros está destruir a nossa saúde, as nossas cidades e o nosso planeta, vivem obcecados com o secular cigarrinho.

PS: Estou orgulhoso de ter escrito a minha frase mais longa de sempre na blogosfera.

19 comentários

Comentar post

Pág. 1/2