Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

As sementes de um fascismo popular

Daniel Oliveira, 30.03.07



Seguramente esta história, de que tomei conhecimento através do blogue Peão, não é novidade para muitos, mas a mim tinha-me passado completamente ao lado. É inacreditável. Foi no dia 20 de Março. A polícia francesa resolveu prender imigrantes em situação irregular à porta da escola dos seus filhos, quando eles os iam buscar. Uma família chinesa foi interceptada pela polícia ali mesmo, em frente ao infantário do 19° bairro de Paris, e para isso os agentes usaram a força. À porta de um infantário. No meio dos incidentes com os pais de outras crianças e responsáveis do infantário que socorreram os detidos, a Polícia utilizou gás lacrimogéneo atingindo crianças. A directora do infantário chegou a ser detida. Esta é a polícia de Sarkozy. Agora imaginem o que seria o seu governo. A sua vitória seria gravíssima para a Europa.

Talvez Sarko, ao contrário de Le Pen, não sustente as suas acções com um discurso ideológico. É apenas um populista à caça do voto. Mas é na ausência de limites se revela perigoso. E é melhor nunca esquecermos: é na relação com os imigrantes, os mais desprotegidos e mais pobres dos alvos possíveis, que a já longa história de tiranias na Europa se tentará refazer. E ela dificilmente chegará mais longe através da extrema-direita clássica. Diz como tratas um imigrante e eu direi como um dia me tratarás a mim.

30 comentários

Comentar post

Pág. 1/3