Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arrastão: Os suspeitos do costume.

De tanto gritar que vem aí o lobo...

Daniel Oliveira, 15.08.07
Numa atitude inédita, os Estados Unidos classificaram a guarda revolucionária iraniana, uma estrutura militar dependente do governo, uma organização terrorista. Os EUA acusam esta força de treinar milícias xiitas iraquianas e talibans no Afeganistão, assim como militares americanos treinaram os "contra" na Nicarágua e os mujahidin (alguns deles até podem ser os mesmos que o Irão agora treinará) no Afeganistão. Ou seja, esta classificação é exclusivamente política.

Não se debate aqui a natureza do poder político iraniano, mas, no próprio interesse dos EUA, talvez não fosse má ideia não abastardar de tal forma a palavra "terrorismo", usando-a para tudo aquilo que parece criticável, que ela deixe de significar coisa alguma.

3 comentários

Comentar post